Fraiburgo: Os encantos de um jovem município e a Colheita da Maçã!

Com apenas 60 anos, Fraiburgo é um jovem município cuja história da maçã se confunde com a história da cidade. Com uma representação muito forte, o fruto carrega junto uma grande parte do desenvolvimento econômico do município e da região.

Para comemorar um ano inteiro de dedicação e trabalho de inúmeros agricultores, foi oficialmente aberta a Colheita da Maçã. O evento que movimentou as dependências do Hotel Renar contou com a presença de autoridades nacionais, estaduais e municipais, além de profissionais da imprensa e produtores.

Pronunciamento de diversas autoridades que registraram a importância do agronegócio.

Para o presidente da Associação Brasileira de Produtores de Maçã, Pierre Nicolas Pérès, a colheita da Maçã representa o grande dia. “O momento de comemorar depois de um período inteiro de trabalho nos pomares, cuidando da poda no inverno, da florada, da quantidade de água. Essa seca impactou o tamanho da fruta. A fisiologia não suportou o calor. Faz 36 anos que estou no cultivo da maçã e nunca vi uma maçã tão doce e com uma cor tão vermelha como este ano, mas de um tamanho menor”, enfatiza Pierre.

Como forma de valorizar o produto no mercado nacional e internacional, a Associação Brasileira de Produtores de Maçã criou inclusive um lema para trabalhar a divulgação: “Pequena, mas brasileira”, uma fruta menor do que em outros anos, mas muito doce e saborosa.

Já o deputado estadual Valdir Cobalchini afirmou que “Fraiburgo, a terra da maçã jamais vai perder esse título. Mesmo não sendo a primeira em produtividade, o volume é significativo. Atrai turistas, desenvolvimento econômico, emprego e renda ao município”.

Para o deputado estadual Ricardo Alba agradeceu o convite  nos motiva trabalhando para facilitar o desenvolvimento nos motiva ainda mais a levar o nome de Fraiburgo para toda Santa Catarina e todo Brasil.

O deputado estadual Romildo Titon, ressaltou a coragem e a persistência dos produtores que, mesmo diante de tantas adversidades e dos altos custos, persistiu e resistiu, mostrando a força do agronegócio e a qualidade dos frutos. “Venho hoje render minhas homenagens à terra da maçã, ao município de Fraiburgo e especialmente a todos aqueles que produzem essa fruta gostosa. Uma fruta que é tratada com carinho, com muito esforço e com muita dedicação”, afirma Titon.

Já o deputado federal Celso Maldaner evidenciou a importância do agronegócio fazendo um balanço das principais conquistas no cenário nacional que priorizam o segmento. “35% do PIB catarinense é em cima do agro. Mas o agricultor é o único que não sabe quanto vai receber no final do mês. Só depois que entregou o produto. Tenho orgulho de vocês. Se não fosse o agro, não sei o que seria do Brasil”

O presidente da Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina – Cidasc, Junior Kunz, também deixou sua mensagem, parabenizando o município e todos os agricultores em seu nome e também em nome do Governador de Santa Catarina, Carlos Moisés. “O nosso estado tem um diferencial. Somos o maior produtor de suíno, um dos maiores produtores de aves e também uma grande produção de maçãs, alho, cebola, e muitos outros. Parabéns aos agricultores que seguraram economicamente nosso Estado. Parabéns prefeito e agricultores pela colheita da maçã.

Quebrando um pouco a rotina de discursos, Guilherme Piazza Ferreira, apresentou  um dos projetos apoiados pelo governo estadual, Santur e Fampesc através do Inovatur, visando construir um ecossistema de visitação de pomares para auxiliar no desenvolvimento do agronegócio através da tecnologia.

“O produtor normalmente fica mais no campo operando e acaba não conseguindo parar para fazer uma análise estratégica dos motivos da produção não estar em seu melhor desempenho. Com assessoramento remoto, mapeamento aéreo e inteligência artificial, conseguimos fazer a identificação de pragas e doenças,  saber o ponto de maturação dos frutos, quantificação de frutos e muitos outros”, apresentou Guilherme. Este processo pode ajudar com economia nos insumos para o agricultor, além de aumento de produtividade e qualidade.

Por fim, quem também deixou sua mensagem foi o prefeito de Fraiburgo, Wilson Ribeiro que, além de falar sobre a diversidade da produção local, reforçou a história da maçã e sua importância cultural, econômica e social. “As pessoas vêm para Fraiburgo pela colheita da maçã. Se hoje está acontecendo a colheita da maçã e este evento, é porque vocês, produtores, estão lá no dia a dia fazendo a coisa acontecer”, enfatiza o prefeito Wilson.

Por muitos anos Fraiburgo foi o maior produtor de maçãs. Hoje a realidade já não é essa, mas Fraiburgo é responsável por 30% da produção da fruta no estado e 16% da produção nacional. Além da produção, a herança deixada pela maçã deu o título à cidade de “Terra da Maçã”.

Michuim: o prato típico de Fraiburgo

Michuim hotel renar fraiburgo sc Colheita da maçã

Após a cerimônia, os convidados participaram de um almoço no jardim do Hotel Renar. Em um espaço em meio a natureza o destaque para os benefícios da maçã. Mesas postas e frutas da estação deram um charme ainda mais especial ao momento.

No fogo de chão, o tradicional michuim. Um prato típico que é uma ovelha temperada e recheada, que passa horas assando, para ser saboreada em meio a um pão.

A colheita nos pomares

Na parte da tarde os convidados seguiram para vivenciar a experiência da colheita nos pomares do município. Os olhos mostravam quem se emocionava colhendo as maçãs. O vereador Juliano Zonta (Pena) era um deles. Como filho de uma autoridade no assunto, “o Zontinha” como era conhecido, ele relembra não só a vida do pai dedicada à fruta, mas também sua experiência como estagiário na empresa Panho Frutas. Hoje, no cargo de vereador de Fraiburgo, ele colhe as maçãs, relembra os momentos e comemora. “Viva a Terra da Maçã e Vida Longa a maçã Fraiburguense, tão importante em nossa economia e turismo”, enfatiza Juliano Zonta.

Além da colheita nos pomares, os convidados seguiram para visitar a cervejaria Holzbier, onde conheceram todo processo de fabricação artesanal. Na sequência, o grupo pode vivenciar a experiência de degustar uma uva niágara diretamente nos parreirais da família Zancanaro.

E aí, sentiu vontade de também visitar Fraiburgo e vivenciar toda esta experiência? Então não deixe de reservar bem mais que um final de semana, pois atrações não faltam!

 

 

 

O Hotel Renar

Alinhado ao turismo e ao lazer, o Hotel Renar, localizado no meio-oeste de Santa Catarina, oferece uma experiência única quando o assunto é hospedagem e eventos. Com uma arquitetura estilo alpino-germânica, o hotel está localizado no alto de um morro, com jardins deslumbrantes, oferecendo uma vista privilegiada de Fraiburgo. Seja para negócios ou lazer, você desfrutará de conforto supremo, serviço impecável e um ambiente deslumbrante.

Galeria de Fotos

*A equipe de jornalismo da Abrajet participou do evento a convite do Hotel Renar

Publicado em 16.02.2022- Editado em 06.03 Por VMCom

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.